quinta-feira, 2 de outubro de 2008

MUNAP_poesias visuais de Eduardo Rennó e Marco Llobus na Galeria da Árvore







Dois

A Diretora do Museu nacional da poesia-MUNAP, envia-nos o convite abaixo:

Imagens:



" Desclassificados"
Marco Llobus

Logo Museu nacional da Poesia -MUNAP

"Libertas II"
Eduardo Rennó

Fotos:Regina Mell lê versos .

Eduardo Rennó, declama versos na praça dos Fundadores, onde o MUNAP realiza o Sementes de Poesia.

LLobus, que recebeu o certificado de Amigo da Paz, das Artes,da Poesia e da vida,de minha mãos, na qualidade de Embaixadora Universal da Paz (Cercle de les Ambassadeurs Univ. de la Paix-Genebra, Suiça)


O Museu Nacional da Poesia e a Fundação de Parques Municipais convidam para exposição de poesias visuais Dois de Eduardo Rennó e Marco Llobus na Galeria da Árvore

Curadoria Regina Mello

Abertura dia 04 sábado às 10h

Visitas de 04 a 23/10/2008 de terça a domingo de 6 às 18h

Espaço Museu Nacional da Poesia – Galeria da Árvore Parque Municipal Américo René Giannetti - Largo das Bougainvilles
Av. Afonso Pena s/n – BH – MG

Eduardo Rennó participa do Sementes de Poesia e Marco Llobus, divulgador Cultural, preside a Rede Catitu Cultural.

Marcadores:

1 Comentários:

Às 2 de outubro de 2008 22:52 , Blogger Brenda Marques Pena disse...

Esta foto do Marco Lobo recebendo o certificado está ótima! Ele ficou mesmo emocionado...Foi um dia lindo! Gostei de conhecer o MUNAP. É uma pena que não estarei em BH pela abertura, mas por uma boa causa: apresentação performática de Cenário Noturno de Déia Donadon no Salão do Livro de Ipatinga. Abraços com saudações poéticas! Brenda Mars

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial